Cultura popular maranhense perde um dos seus principais ícones, João Chiador

As matracas silenciaram-se e o bumba-boi chorou com a notícia da perda de João Chiador, 78, do Boi de Ribamar, que faleceu neste domingo, 6, vítima de parada cardíaca.

No ano passado ele teve um AVC e chegou a ficar vários dias internado no Hospital Carlos Macieira.

João Chiador foi cantador do Boi da Maioba por 32 anos e estava no Boi de Ribamar desde 1993. Ele é considerado um ícone do ‘Bumba Meu Boi’ do Maranhão por ter contribuído com a criação de toadas “Cidades dos Azulejos”, “Nossa Senhora de Aparecida” e muitas outras.

O enterro foi realizado na manhã desta segunda-feira (7), no cemitério Jardim da Paz, localizado na MA-201, em São José de Ribamar.