04 ex-deputados federais do MA estão na lista da ‘Farra de passagens aéreas’ do MPF

Na lista negra do Ministério Público Federal da farra de passagens aéreas com o dinheiro público de 2007 a 2009, estão 72 ex-deputados federais e pelo menos quatro são do Maranhão. Ao todo foram R$ 8,36 milhões gastos no esquema de venda ilegal de créditos em agências de turismo.

Somente o quarteto maranhense consumiu mais de R$ 621 mil em bilhetes.

  • Clóvis Fecury (DEM) – 221 passagens ao custo total de R$ 154.216,43
  • Domingos Dutra (PCdoB) – Atual prefeito de Paço do Lumiar – 184 passagens no valor de R$ 93.811,22
  • Sétimo Waquim (PMDB) – 335 bilhetes ao custo de R$ 193.813,15
  • Pinto Itamaraty (PSDB) – o José Eleonildo Soares – 388 passagens ao custo R$ 179.370,52.

Todos foram denunciados criminalmente à 12ª Vara Federal de Brasília.

O caso foi revelado em 2009 numa série de reportagens do site Congresso em Foco, e ficou conhecido como “farra das passagens” porque senadores, deputados e ministros de governo usavam cotas de bilhetes aéreos para viajar pelo mundo a passeio ou para cedê-las a eleitores e terceiros.
As investigações do MPF continuam em relação a cerca de 50 ex-deputados incluindo outros maranhenses.